Instituto Brasileiro do Algodão

BOAS PRATICAS FITOSSANITARIAS PARA A CULTURA DO ALGODAO EM MATO GROSSO DO SUL - SAFRAS 2019/2020 E 2020/2021.

A presente proposta é continuidade do Projeto Nº 036.2016.08.1.12 - Boas Práticas Fitossanitárias para a Cultura do Algodão em Mato
Grosso do Sul nas safras 2016/2017; 2017/2018 e 2018/2019, que, ao longo de seu período de execução, alcançou resultados positivos,
principalmente porque neste período houve um acréscimo significativo da área plantada, saindo de um patamar de cerca de 28.000
hectares de algodão na safra 2016/2017 para 37.000 hectares na safra 2018/2019, e o projeto contribuiu para que a infestação de
pragas não alcançasse níveis de impactos não desejados.
A nova proposta, além de dar continuidade às ações exitosas realizadas pelo projeto anterior, pretende inserir novas iniciativas, tais
como:
- implantar experimentos sobre manejo do algodão;
- realizar a validação de cultivares;
- estabelecer parâmetros mínimos no manejo da cultura nas regiões produtoras;
- atuar para expandir o emprego das variedades validadas e;
- capacitar equipes técnicas das fazendas, produtores e consultores que atuam diretamente nas fazendas.

  • número do projeto 024.2019.08.1.01
  • atividade do projeto Controle, mitigação e erradicação de pragas e doenças
  • situação Encerrado
  • data da aprovação 29/10/2019
  • período de execução 01/11/2019 a 31/08/2021
  • proponente AMPASUL - Associação Sul Matogrossense de Produtores de Algodão
  • executora AMPASUL - Associação Sul Matogrossense de Produtores de Algodão

associadas mais