Instituto Brasileiro do Algodão

ABRAPA e Associações Estaduais se reúnem para a construção de indicadores de resultados dos projetos do algodão

2° Workshop de Projetos do IBA aconteceu em Brasília nos dias 17 e 18 de maio

Fonte: IBA

O Instituto Brasileiro do Algodão – IBA realizou em Brasília, nos dias 17 e 18 de maio, o 2° Workshop de Projetos. Assim como no 1° Workshop de Projetos, realizado em 2014, em Cuiabá, presidentes, diretores executivos e as equipes de projetos das associações estaduais e da Abrapa, estiveram presentes. Adicionalmente, neste ano participaram consultores e produtores de algodão. A abertura, que aconteceu na noite do dia 16, contou com as boas vindas aos participantes e apresentação do escopo do trabalho pelo Presidente Executivo do IBA, Haroldo Cunha.

Com o tema “Construção de Indicadores de Resultados”, o evento contou com quatro grupos de trabalho ocorrendo de forma simultânea. Sendo eles: Sustentabilidade; Combate a Pragas e Doenças; Qualidade da Fibra e Capacitação. Os participantes integraram os grupos de acordo com a atuação nos projetos de suas associações e colaboraram para a construção de uma estrutura lógica que levará aos indicadores que serão utilizados pelo IBA na mensuração dos resultados dos projetos.

A segunda etapa desse trabalho consistirá na validação desses indicadores junto às associadas e na sequência o IBA implantará um novo módulo em seu Sistema de Projetos – SIP, que será a base que integrará as informações coletadas dos projetos. A etapa de coleta das informações consistirá na ida aos estados, visita aos projetos, entrevista com envolvidos nos projetos, tudo isso feito de forma previamente acordada com as associações proponentes.

O trabalho de facilitação dos grupos e planejamento de todo esse trabalho foi conduzido pela Consultoria Plan, de São Paulo, em conjunto com o IBA. A Plan é um empresa especializada em avaliação de projetos e possui um vasto portfólio de clientes que atuam de forma similar ao Instituto.

O IBA compartilhará essas informações coletadas com os gestores dos projetos e espera que dessa forma o setor possa ter o cenário real das mudanças alcançadas com esses investimentos, com informações medidas sobre a eficiência dessas ações e números que subsidiarão decisões futuras e o posicionamento do setor cotonicultor.

Por meio dessa iniciativa, o IBA dá mais um salto na gestão de projetos, e na gestão do conhecimento, enaltecendo, assim, o seu papel como instituição que está ao lado de suas associadas e da Abrapa na busca contínua de soluções inovadoras e de sucesso em prol da construção de um futuro sustentável para o setor cotonicultor.

Veja a galeria de fotos

associadas mais